Quando se chega próximo da formatura de Ensino Médio, começamos a nos perguntar:

“Que rumo vou tomar?”Interrogação

“Qual profissão seguir?”

“O que eu gosto de fazer?”

Acredite, é normal ter todas essas dúvidas. Ainda mais quando se é adolescente; período em que os hormônios estão à flor da pele, em que nos fazemos tantos questionamentos.

Mas, chega o momento em que é necessário escolher um caminho a seguir. E vamos supor que esse caminho escolhido seja no ramo da climatização.

É um ramo que tende a crescer, pois os aglomerados populacionais estão cada vez maiores, além de estarmos sempre ouvindo falar do aquecimento global, fator que faz com que a temperatura terrestre aumente a cada ano. Resumindo, fatores que contribuem para o aumento do uso de ar-condicionado.

Mas não se esqueça que se você quiser ser um instalador de ar-condicionado, precisa se especializar! Afinal, você não será o único da área e, se não estiver capacitado a exercer sua função, perderá para a concorrência.

Quais são os métodos-chave para o sucesso?

Dois métodos são considerados chaves para o sucesso: a capacitação e a experiência.

Primeiro, estude. Faça cursos, leia livros, pesquise na internet, assista a vídeo-aulas, pergunte a profissionais, corra atrás! Depois, a experiência do dia-a-dia fará com que seu trabalho fique mais profissional e com menor quantidade de erros. Mas essa experiência só vem com o tempo. Então, não se preocupe se no início a sua instalação não for uma das melhores.

Ao estudar climatização, procure pelos tópicos principais. Faça cursos básicos sobre instalação de split, por exemplo. Nesses cursos, você aprenderá sobre os conceitos básicos da profissão, os nomes técnicos e das ferramentas que precisa, os tipos de ar-condicionado, como calcular a carga térmica, etc.

Tipos de profissionais

limpeza2
Exemplo de limpeza geral realizada por um profissional.

Além disso, saiba que existem dois tipos de profissionais no mercado de trabalho: o que trabalha por amor e o que trabalha pelo dinheiro. Obviamente, dinheiro traz alegrias, mas não é isso que se deve procurar como foco principal em uma profissão que vai se seguir por toda a vida. Primeiro, escolha fazer aquilo que realmente lhe agrada.

Um profissional que trabalha no que gosta desempenha sua função com muito mais perícia, conquistando mais clientes pela qualidade e precisão do serviço.

Trabalhar apenas pelos ganhos, por sua vez, faz com que o profissional apenas faça o “feijão com arroz”, deixando a desejar no quesito qualidade. Lembre-se: trabalhe por amor que os ganhos virão consequentemente.

Nunca se esqueça!

Balão de ExclamaçãoQuando estiver na rua, exercendo a sua atividade, depois de estar devidamente capacitado e preparado, muitos “técnicos de boca” virão e darão opiniões. Muito cuidado! Eles sempre darão dicas de como fazer de uma forma diferente aquilo que você aprendeu no curso. Não precisa ignorar todas as opiniões, mas saiba filtrar o que realmente vale a pena. Sempre consulte alguém com mais experiência e que seja de confiança.

Se realmente tem vontade de se tornar um profissional na área de climatização, qualifique-se antes de iniciar suas atividades. Saiba que é uma área que dá um bom retorno financeiro, mas que desgasta bastante pelo esforço físico. Por isso, técnicos que não assimilam essas atribuições da profissão, acabam perdendo tempo e vendendo posteriormente todas as ferramentas adquiridas.

Além disso, sempre que precisar de uma dica, nosso blog estará aqui para lhe ajudar!

Fonte

  • installca.wordpress.com/2015/03/26/sabe-por-onde-comecarcomo-entrar-no-mercado-de-trabalho-de-instalacao-de-ar-split-e-inverter/

© 2017. Climatização Lumertz.

Licença Creative Commons
Climatização é a profissão do futuro? de Esdras Nunes está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://installca.wordpress.com/2015/03/26/sabe-por-onde-comecarcomo-entrar-no-mercado-de-trabalho-de-instalacao-de-ar-split-e-inverter/.

Anúncios

4 comentários

  1. Uma importante questão é a mudança de mercado, pelo que percebo. A mudança de mercado se deu pela popularização dos ar condicionados tanto residencial e empresarial. Os clientes passaram a ficar mais exigentes e pedir um preço menor, já a grande quantidade de “profissionais” que passaram a oferecer trabalhos ruins, preços baixos e nenhuma preocupação em manter-se no mercado.

    Curtir

Deixe seu comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s